Cirurgia de Lipoaspiração

Lipoescultura – Lipoaspiração Tumescente – HLPA-HidrolipoclasiaAspirativa

A Cirurgia de Lipoaspiração ganhou grande notoriedade, repercussão e aceitação tanto no público feminino quanto no público masculino nas últimas três décadas. É considerada a cirurgia estética mais realizada no Brasil e nos Estados Unidos. Esta cirurgia destina-se à remoção de gordura localizada, de qualquer região do corpo, com cicatrizes mínimas, por meio de um aparelho especial de vácuo.

A lipoescultura é o termo mais recentemente difundido, que caracteriza a mesma lipoaspiração e a utilização dessa gordura aspirada para preenchimentos de alguma depressão corporal (lipoenxertia).

 

A Cirurgia –

Esta cirurgia tem como objetivo eliminar os depósitos de gordura que se acumulam em excesso nos quadris, coxas, abdômen, joelhos e pescoço (a famosa “papada” ou “duplo pescoço”). É indicada para pacientes com gordura localizada e que não respondem a dietas e exercícios. Cabe ressaltar que esse procedimento da cirurgia plástica não substitui a prática saudável de alimentação e exercícios físicos regulares. Além disso, não é indicada para pacientes com obesidade que busquem o emagrecimento através do procedimento.

Apesar da popularidade, a lipoaspiração deve ser indicada com responsabilidade e ética. Os resultados dependem da capacidade de retração da pele, após a remoção da gordura. Tal retração costuma ser favorável naqueles com pele espessa e sem flacidez. Quando há flacidez de pele além dos depósitos de gordura, procedimentos de retirada dessa pele (além da gordura) são necessários. Nesses casos, a simples remoção da gordura com o uso dessa cirurgia tende a acentuar rugas e dobras decorrentes da flacidez da pele.

 

Pós-operatório –

Pacientes submetidos à lipoaspiração devem manter repouso absoluto durante os primeiros dias, com a ingestão de grande quantidade de líquidos isotônicos para repor os fluidos perdidos durante a cirurgia. O paciente deve evitar levantar-se rapidamente e realizar qualquer esforço, pois a ocorrência de tonturas é bastante frequente neste período.

O edema (inchaço) é normal após este procedimento e começará a melhorar após a primeira e segunda semana, assim como a equimose (manchas roxas). Também é possível que o edema e a equimose se deslocam para a região genital no homem (pênis e bolsa escrotal) e na mulher (púbis e grandes lábios).

É fundamental proteger-se do sol por pelo menos dois meses, para evitar a ocorrência de manchas na pele.A realização de drenagem linfática é recomendada para acelerar a recuperação, o que pode ajudar a evitar o aparecimento de irregularidades e depressões nas áreas tratadas.

Como na maioria das cirurgias plásticas, o contorno final só pode ser apreciado após pelo menos três meses. Finalmente, os pontos são normalmente removidos de sete a dez dias e o retorno às atividades físicas é permitido após três semanas.

 

Tópicos Importantes:

  • As pequenas caminhadas são muito importantes já no dia seguinte ao da cirurgia.Recomenda-se, também, a movimentação e massagem dos membros inferiores e pés logo após a cirurgia, para prevenir possíveis casos de trombose. Não há necessidade de permanecer deitado durante todo o dia. Deve-se descansar a posição das costas, para que, ao deitar, seja possível relaxar. Ao assentar, não dobrar agudamente sobre a área operada, para evitar comprimi-la;
  • Não deitar de lado ou de bruços até que seja autorizado pelo cirurgião;
  • Os retornos para a retirada de pontos e avaliação pós-operatória deverão ser agendadas com a secretária;
  • A exposição ao sol com o intuito de bronzear somente será permitida após 30 dias. Até então, pequenas caminhadas sob o sol poderão ser feitas com o uso de bloqueadores solares;
  • A vida sexual, com moderação, estará liberada após cinco dias da cirurgia;
  • Nas lipoenxertias (preenchimento de depressões), as áreas tratadas não podem sofrer compressão para evitar a reabsorção da gordura enxertada. Toda recomendação específica será esclarecida ao paciente de acordo com cada caso;
  • Recomenda-se a realização de massagens (drenagem linfática) com início no quinto dia pós-operatório até cerca de 30 dias, ou de acordo com a avaliação médica. Condutas complementares em academias, com esteticistas ou mesmo fisioterapeutas, poderão melhorar bastante o resultado final;
  • Os modeladores ou cintas especiais ajudam a modelar o corpo no pós-operatório, sendo geralmente indicados por um período de 30 a 45 dias.

 

Informações Adicionais –

A lipoaspiração não é cirurgia para o resto da vida. A qualidade dos resultados sofre alterações contínuas ao longo dos anos. Fatores como idade, variação do peso corporal, qualidade e textura da pele, influências hormonais e gravidez interferem de forma incisiva no organismo, independente de ter ou não sido operado. As células gordurosas residuais (adipócitos) podem aumentar de volume quando o paciente ganhar peso. A manutenção dos resultados de uma lipoaspiração depende mais do paciente, que será orientado a manter um programa de exercícios físicos e de controle de peso.

Uma nova cirurgia poderá ser indicada quandoessas alterações se apresentarem, o que altera o formato e/ou volume da área operada. Essa nova cirurgia não é um retoque da primeira.É um novo procedimento, que poderá ser indicado para tratar as deformidades decorrentes dos fatores anteriormente citados.

Uma segunda ou mesmo terceira cirurgia pode fazer parte do programa de tratamento. Resultados definitivos somente devem ser considerados de seis a 12 meses da cirurgia. As cirurgias de retoques, quando necessárias, serão aconselhadas pelo cirurgião, devendo-se respeitar o tempo necessário para a adequação dos tecidos e acomodação das cicatrizes. Quando realizadas em momento inoportuno, essas cirurgias podem não alcançar os resultados desejados. Os retoques não significam incapacidade técnica, mas uma revisão cirúrgica para se alcançar resultados ainda melhores.

 

Observação importante –

É comum ver notícias sobre casos infelizes como consequência da uma lipoaspiração. Porém, o perigo encontra-se justamente na banalização do procedimento. Por isso, procurar minuciosamente pela clínica certa e o cirurgião plástico confiável em Cirurgia de Lipoaspiração é a primeira tarefa que a paciente deve empreender, para evitar qualquer risco.

(Visited 3.769 times, 1 visits today)